Seguro Vida: entenda o seu impacto no mercado de seguros nos últimos anos

Postado em 7 de abril de 2022 por Segfy

Quem já não ouviu frases como “a vida é o nosso bem mais precioso” ou “a vida em primeiro lugar” não é mesmo? Além de ser nosso alvo máximo de proteção e cuidado, o ramo vida para os corretores de seguros também representa muito.  Em nosso novo artigo, confira alguns aspectos relevantes que explicam o crescimento e impacto do seguro de vida no mercado de seguros e ajudarão você, corretor, a cada vez mais valorizar essa modalidade na sua corretora. Acompanhe!

Crescimento nos últimos anos

Segundo dados recentes da Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (FenaPrevi), o segmento Vida foi um dos que mais obteve destaque nos últimos anos. 

Só em 2021, a modalidade obteve uma arrecadação superior aos R$ 8 bilhões em prêmios, considerando-se apenas os meses de janeiro a setembro. Ao final do ano, o segmento apresentou, ainda, um crescimento total 29% maior que o ano anterior.

Somadas modalidades como seguro de vida individual e coletivo (que diz respeito ao seguro de vida oferecido para empresas), esse mercado arrecadou mais de R$ 46 bilhões no ano, o que foi 16,8% maior que 2020. Mas, o que foi decisivo para esse crescimento? Acompanhe a seguir!

Fatores que favoreceram o crescimento

A pandemia foi um dos principais fatores de crescimento do ramo. Com o surgimento da covid-19 e o aumento de internações, complicações e mortes em decorrência do vírus, uma busca natural por mais proteção financeira e segurança aos provedores das famílias ocorreu. Não somente isso, a consciência de que um seguro de vida pode trazer proteção para outros tipos de eventos além da morte também foi preponderante. 

A maioria das coberturas do seguro de vida podem ser acionadas ainda em vida, como nos casos de doenças graves (como câncer, paralisia de membros, esclerose múltipla, Alzheimer e Parkinson), garantindo suporte aos dependentes e familiares, além de pagamento de transplantes e reposição de perda financeira em caso de afastamento do trabalho.

Outro ponto relevante que o mercado de seguros está utilizando com mais frequência e tem trazido resultado, é o fato de quanto mais jovem a pessoa contrata um seguro de vida, mais em conta fica o valor das parcelas. Tornando o produto ainda mais atrativo para um público que ainda não é impactado pelo produto do ramo vida. 

Uma nova consciência

Ainda por decorrência da pandemia, o entendimento de que situações de risco podem acontecer a qualquer momento e que o seguro de vida pode ser acionado não apenas em caso de morte, fortalecem uma nova mentalidade e comportamento de consumo entre os mais jovens. 

Segundo a Revista Valor Econômico, as vendas de seguro de vida nas faixas etária de 18 a 25 anos tiveram um aumento de 119% e, também, de 103% para pessoas com 21 a 25 anos.

Outra pesquisa, realizada pelo Instituto Ilumeo para o Porto Seguro Vida e Previdência, explicou que a motivação para contratar esse tipo de seguro aumenta quando as pessoas são informadas sobre as coberturas que podem ser utilizadas durante a vida, o que também se aplica aos jovens que, com a pandemia, passaram a procurar produtos relacionados a saúde, proteção e bem-estar.

Com essa realidade, o seguro de vida passa cada vez mais visto como um investimento básico no orçamento e de extrema prioridade para as pessoas. 

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o crescimento do seguro vida no mercado de seguros, que tal pensar em algumas estratégias de valorização desse produto na sua corretora? Em breve traremos mais conteúdos para te ajudar com isso. 😉

Fique atento para as próximas novidades da Segfy!

Um abraço. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Demonstração Grátis Segfy
Se inscreva em nossa newsletter e receba novidades
Segfy, você + seguro 🧡
Segfy Tecnologia S/A | 30.254.990/0001-55 © 2021 Segfy ®. All rights reserved.