Dicas infalíveis para vender seguro residencial e seguro de vida juntos

Postado em 10 de maio de 2022 por Segfy

Olá, corretor! Você já deve ter se perguntado o que fazer para obter mais vendas ao final do mês, não é mesmo? Ou até mesmo já procurou por treinamentos e cursos que ajudassem a explorar a sua criatividade a fim de elaborar bom argumento de venda, né? 🤔

Neste artigo, queremos te ajudar a desenvolver um bom pitch de vendas para duas modalidades de seguros muito importantes e cada vez mais disputadas no mercado: o seguro residencial e o seguro de vida. Como esses dois tipos de seguros podem ser oferecidos de maneira combinada e qual a melhor forma de argumentar com o seu prospect? É o que você irá acompanhar a seguir!  #segjunto

Mas antes, entenda um pouquinho do porquê explorar essas duas modalidades juntas! 

Sobre a venda combinada de seguros

Você pode estar se perguntando por que deveria elaborar uma estratégia de venda de seguro residencial junto de seguro de vida, já que o seguro residencial visa a proteção de um bem material, enquanto o seguro de vida protege algo imensurável, que é a vida, não é mesmo? Qual a relação dos dois? 

Em primeiro lugar, segundo diversos estudos, oferecer uma nova modalidade de seguro a quem já possui alguma outra apólice aumenta e muito as chances desse cliente continuar na sua corretora. Isto porque a sensação de proximidade e de estar “segurado” por completo é ainda maior. O seu segurado sente que a sua corretora possui os serviços mais completos e irá pensar duas vezes antes de mudar para algum banco ou quando receber uma proposta de outras corretoras.

Outro fator relevante é que, apesar da diferença de preços de apólices entre o seguro residencial e o seguro de vida, os seus objetivos se complementam: os riscos de incidentes contra as residências, como explosões, incêndios, danos elétricos, furtos e roubos podem desencadear em danos à sua saúde, como doenças, invalidez e até morte - eventos esses que um seguro de vida está assegurado de indenização. É claro que ninguém espera que algo assim aconteça - e talvez por isso seja tão difícil criar a necessidade de aquisição de um seguro -, mas com essas dicas abaixo ficará mais fácil. 

Acompanhe!

#1. Destaque as assistências

Fatores como o valor de um prêmio em caso de seguro residencial ou até mesmo a necessidade (“eu moro em um apartamento, não preciso de seguro residencial”) são negativas frequentes na hora de vender um seguro residencial. Porém, se a pessoa já possui um seguro de vida, já possui também uma consciência de proteção e dos riscos que poderá estar suscetível. Isso torna o caminho um pouco mais fácil para efetuar a compra de um seguro residencial. E aí é que entra a nossa primeira dica de argumento: destaque as assistências de um seguro residencial. 

O que muitas pessoas não sabem é que além das coberturas aos eventos de risco, como roubo, furto, incêndios, etc., um seguro residencial traz uma série de facilidades, como a possibilidade de assistência 24h para reparos, emergências ou outros serviços necessários para dentro de casa. 

As assistências 24 horas prevêem serviços de reparos muito úteis às residências, como encanador, eletricista, chaveiro e reparos em diversos eletrodomésticos que independem do fato do segurado morar em casa ou apartamento, pois são úteis para ambas. Algumas assistências também prevêem desentupimento, mudança de mobiliário, limpeza de calhas, desinsetização e até auxílio para o pet do segurado. 

Essas assistências muitas vezes compensam o valor do prêmio pago pelo seguro e são extremamente úteis ao dia a dia do morador. 

#2. Explique que é uma dupla proteção a quem mais importa

Apesar do seguro residencial oferecer proteção a seu patrimônio e o seguro de vida oferecer proteção financeira em caso de risco à vida - um bem imensurável -, os dois se complementam entre si. Afinal, os dois buscam auxiliar quem mais importa ao segurado: a família dele. Essa é a nossa segunda dica! 

Explique que em caso, por exemplo, de um sinistro ao patrimônio residencial, a vida do seu segurado e dos que dele dependem também pode ficar em risco. Acidentes como explosões, incêndios ou até mesmo roubos, podem incorrer também em danos à vida, resultando na incapacidade temporária ou permanente de prover o sustento da sua família. Daí a importância de ter a dupla proteção do seguro de vida + residencial, pois ambos podem prever subsídios para cada momento. Ter um seguro de vida junto a um seguro residencial é algo que pode beneficiar e trazer segurança financeira para toda a família. 

O mesmo pode-se dizer em caso de morte, invalidez ou doença grave (coberturas comuns no seguro de vida) de algum provedor da família. Com o seguro residencial é possível ter uma segurança de que o patrimônio da família está bem assistido caso algum incidente com a pessoa que provém o sustento aconteça. 

#3 Prepare sua proposta

Tendo em vista os argumentos anteriores, agora chegou o momento de preparar a sua proposta. Você sabia que com o CRM Gofy da Segfy você pode fazer o envio de propostas personalizadas aos seus prospects? Com essa ferramenta, você pode acompanhar também o status e andamento de cada etapa de venda e negociação com a sua carteira de segurados. Ainda não conhece? Experimente agora e organize a sua agenda comercial com muito mais praticidade!

É hora de arregaçar as mangas e colocar em prática esses novos argumentos de vendas para bater todas as metas de vendas do mês da sua corretora para seguros residenciais e de vida! 🚀Gostou das dicas? 

#segjunto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Demonstração Grátis Segfy
Se inscreva em nossa newsletter e receba novidades
Segfy, você + seguro 🧡
Segfy Tecnologia S/A | 30.254.990/0001-55 © 2021 Segfy ®. All rights reserved.